Webnário: O Homem dos Ratos (Realiz. 19/09/18)

O objetivo desse webnário foi explanar e discutir a obra de Sigmund Freud, buscando entender os seus conceitos fundamentais e suas influências nas obras de M. Klein e W. Bion. A proposta é que nesses encontros online haja a facilitação do conhecimento da obra freudiana por parte do público não especializado.

Emília no país da gramática - assimetrias psicanalíticas (Realiz. 19/10/18)

Nesse segundo encontro sobre a obra de Ignácio Matte-Blanco analisamos as formas gramaticais e assimétricas de existência do indivíduo em Monteiro Lobato, bem como sua interação com as formas infinitas da lógica do País das Maravilhas de Lewis Carroll. 

Alice no país de Matte-Blanco (Realiz. 22/06/18)

O psicanalista chileno Ignácio Matte-Blanco faz uma revisão sobre as formas de representações do Inconsciente descritas por Freud e nos legou uma teoria chamada bi-lógica, com impactos na teoria e técnica da psicanálise. Nesse primeiro encontro analisamos o conceito de assimetria e suas implicações clínicas. 

A confiabilidade nas relações humanas no processo terapêutico e maturacional (Realiz. 06/04/18)

Vista pelo prisma psicanalítico winnicottiano, a confiabilidade, mais do que uma qualidade que desejamos nas nossas relações humanas, é uma condição fundamental para que se forme um ambiente que venha a facilitar e possibilitar o desenvolvimento das potencialidades do ser humano e a constituição dos sentidos de realidade.

Webnário:O Narcisismo e as Mídias Sociais (Realiz. 20/02/19)

Muito é dito que nas mídias sociais impera um comportamento narcisista, mas você sabe exatamente onde e como esse comportamento se manifesta? O narcisismo vai muito além das selfies! Nesse Seminário de Web utilizamos o ambiente das redes sociais para entendermos os conceitos freudianos contidos no artigo “Uma introdução ao narcisismo”.

Webnário: O Inconsciente (Realiz. 20/03/19)

Hoje essa palavra de cunho tão comum pode ter diversos significados em psicanálise, fato que as vezes até os psicanalistas não levam em consideração.  Afinal, o que é inconsciente? Nesse Seminário de Web vamos discutir as visões de Freud sobre o Inconsciente e como essas visões foram evoluindo nas obras de M. Klein, Winnicott e Bion. 

LEIA MAIS

Estudos sobre histeria (Realiz. 10/05/19)

“Estudos sobre Histeria” marca o início das primeiras sistematizações da técnica psicanalítica. É nele que podemos acompanhar a evolução do método catártico para o de livre associação, bem como a fundamentação de muitos conceitos posteriores como processo primário e secundário. Nesse trabalho Freud também já esboça sua teoria mais controversa: a origem sexual dos sintomas histéricos.

Webnário: História da Histeria (Realiz. 21/02/18)

Neste primeiro seminário de web, discutimos alguns pontos da história da psicanálise, que se misturam com a história da histeria. Foi através das histéricas, herdeiras de Salpêtière que nasceu o método psicanalítico, a teoria da interpretação dos sonhos, da sexualidade infantil entre outros.

A origem da psicanálise na histeria (Realiz. 12/04/19)

Em nosso primeiro Curso Breve deste ano, discutiremos alguns pontos da história da psicanálise, que se misturam com a história da histeria. Foi através das histéricas, herdeiras de Salpêtière que nasceu o método psicanalítico, a teoria da interpretação dos sonhos, da sexualidade infantil entre outros. Nesse encontro tentaremos estabelecer quais foram as teorias herdadas por S. Freud afim demonstrar melhor suas contribuições para a psicanálise.

Webnário: É Melhor ser Alegre que ser Feliz (Realiz. 26/10/17)

Os versos da música de Vinícius de Moraes na verdade são “é melhor ser alegre que ser triste”, mas eu considero que uma das maiores tristezas de hoje é o desejo e a busca pela felicidade. Talvez você esteja se perguntando “como assim?!”, mas eu poderia dizer que nossos consultórios estão lotados de pessoas “desejando ser felizes".

Webnário: Lamento e melancolia (Realiz. 17/04/19)

A melancolia descrita por Freud não é a mesma descrita desde de Hipócrates, e sim um caso particular das já estudas desde Hipócrates. Em que momento um tipo de humor se transformou em uma doença? Pode-se afirmar que a Melancolia é o mesmo que depressão? As pessoas ditas “melancólicas” são mais inteligentes?

LEIA MAIS